Santa Casa da Misericórdia da Marinha Grande

Outeirinhos

Santa Casa da Misericórdia da Marinha Grande

Outeirinhos

U.C.C

Unidade Cuidados Continuados

Santa Casa da Misericórdia da Marinha Grande

Vergieiras

Santa Casa da Misericórdia da Marinha Grande

Vergieiras

Apresentação do Centro Infantil Arco-Íris

 

O Centro Infantil Arco-Íris acolhe as respostas sociais de apoia à infância da Santa Casa da Misericórdia da Marinha Grande, aposta na promoção do desenvolvimento integral da criança e a aquisição de competências básicas para a sua autonomia pessoal e social.
Com técnicos especializados decididos a apostar na qualidade da educação e no desenvolvimento global e harmonioso de todas as crianças, rege-se pelo Modelo de Avaliação da Qualidade do Instituto da Segurança Social e pelas Orientações Curriculares e Metas de Aprendizagem para a Educação Pré-Escolar do Ministério da Educação.

Posicionamento Metodológico do Estabelecimento


Existem diversas teorias e muitas metodologias e métodos de trabalho. No Centro Infantil Arco-íris o corpo docente não segue nenhum modelo curricular específico, cada educador cria o seu próprio, através de uma mistura das diversas metodologias. Muitas vezes a escolha da metodologia depende do grupo de crianças.
Preconiza-se que a linha orientadora de trabalho da equipa pedagógica vá de encontro às teorias construtivistas da educação propostas por Piaget e Vygotsky que foram autores cruciais para o estabelecimento da visão construtivista do desenvolvimento infantil. O construtivismo assenta no propósito de que o ser humano não nasce inteligente, mas também não é passivo sob a influência do meio, isto é, ele responde aos estímulos externos actuando sobre eles para construir e organizar o seu próprio conhecimento, de forma cada vez mais elaborada.
Pretendemos assim oferecer experiências às crianças que lhes permitam construir conhecimento, através de actividades que incluam a manipulação de materiais e experiências directas sobre as quais as elas possam reflectir mais tarde.


Na base da nossa pedagogia está continuamente presente a ideia de que a educação de infância é a base para a aquisição dos primeiros conhecimentos, valores e atitudes, que se vão interiorizar na continuação da sua formação pessoal e académica do individuo.

“Os modelos curriculares incorporam uma visão integradora dos fins da educação e das fontes do currículo, dos objectivos e dos métodos de ensino, dos métodos e da organização do espaço e do tempo escolares. Consubstanciando uma visão sistémica da educação, são um poderoso instrumento de medição da teoria e da prática.” (Formosinho, J.O et al, 2007).


As metodologias de intervenção educativa e os princípios pedagógicos que a equipa técnica-pedagógica da instituição elegeu como suporte para a prática pedagógica foram os princípios do “Modelo High/Scope”, “Modelo do Movimento Escola Moderna”, “Reggio Emilia” e “Metodologia de Projecto”.
O Modelo High/Scope contempla a aprendizagem pela acção, a interacção adulto-criança, o contexto de aprendizagem, a rotina diária e a avaliação. É um modelo piagetiano de orientação cognitivista e construtivista que aponta para a manipulação e exploração de novas experiências. Apresenta a criança como um ser que vai construindo o seu desenvolvimento cognitivo nas acções sobre as coisas, situações e acontecimentos. Este modelo tem como princípio básico a aprendizagem activa da criança, isto é, acredita que as vivências directas e imediatas são essenciais se essas crianças retirarem delas algum significado através da reflexão (Mesquita-Pires, 2007).


O “Modelo Movimento da Escola Moderna” amplia o aspecto individualista do desenvolvimento infantil, apontando uma perspectiva social, em que o desenvolvimento se constrói através de práticas sociais, inserido em paradigmas históricos e culturais. Neste modelo a organização da sala de aula em áreas espaciais é considerada alicerce que vai proporcionar as oportunidades para as crianças trabalharem, aprenderem e se desenvolverem.
A turma organiza-se em torno de uma prática de democracia directa, onde se privilegia a comunicação, a negociação e a cooperação.
Prevalece o envolvimento entre pré-escola, família e a comunidade. A interacção das crianças é aberta às pessoas do meio e da sociedade, que com alguma frequência são convidados a cooperar no processo educativo por serem vistos como fonte de conhecimento (Spodeck, 2002).
O “Modelo Reggio Emilio” acredita que a criança tem um papel activo na construção do conhecimento do mundo. “As crianças e adultos são entendidos como coexistindo, (…) e contribuem para o seu próprio desenvolvimento através da participação diária nos acontecimentos culturais ” (Formosinho, J.O et al, 2007).
A criança é estimulada a explorar o seu ambiente e a expressar-se através da “arte”, (desenho, pinturas, dramatizações, música, escultura, entre outras), sendo o atelier na sala um espaço privilegiado para o desenvolvimento das diversas formas de expressão. Nesta pedagogia a documentação assume um papel importante, documentar é fazer registos do que se observa tornando visíveis as experiencias realizadas, isto é, criar cultura.


E ainda a “Metodologia de Projecto”, também baseado nas teorias construtivistas de aqui o educador de infância é um guia e organizador das aprendizagens. O educador de infância deixa os alunos arriscar, analisar e pôr em evidência os saberes e capacidades adquiridas. Privilegiando os aspectos positivos das aprendizagens, tendo em consideração os interesses e motivações das crianças. Esta metodologia implica pesquisas para a resolução de problemas envolvendo as crianças na planificação e desenvolvimento da actividade levando-as a pensar (resolver problemas), aprendem a colaborar uns com os outros (viver em sociedade). As actividades são planificadas conduzidas pelas crianças e educadora de infância em contexto real.

Dinâmica e Organização Pedagógica

Na perspectiva de melhorar os serviços é constantemente feita uma reflexão sobre os processos e meios de o conseguir, sendo as linhas mentoras definidas pelo Projecto Educativo do Estabelecimento.
Por Projecto Educativo entende-se um instrumento aglutinador e orientador da acção educativa que esclarece as finalidades e funções da escola, inventaria os problemas e os modos possíveis para a sua resolução, pensa nos recursos disponíveis e aqueles que podem ser mobilizados. Resultante de uma dinâmica participativa e integrativa, o projecto educativo pensa a educação enquanto processo nacional e local e procura mobilizar todos os elementos da comunidade educativa, assumindo-se como rosto visível da especificidade e autonomia da organização escolar (Lei 43/89).


Estamos inseridos numa sociedade em permanente mudança no aspecto afectivo, económico e cultural. O Projecto Educativo do Centro Infantil Arco-Íris preconiza contribuir para que a Comunidade Educativa desperte para a necessidade da construção de comportamentos que conduzam à adopção de estilos de vida fisicamente activos e saudáveis.
Ainda, pretende contribuir para o desenvolvimento integral da pessoa, pelo que não entendemos que se centre apenas na aquisição de conhecimentos, mas também no desenvolvimento de diferentes competências. Tal pressupõe o desenvolvimento da autonomia e da responsabilidade pessoal, ao nível do ser, do saber e do viver em comunidade

Caracterização do Estabelecimento

O Centro Infantil “Arco-Íris” está situado no lugar de Casal de Malta, na Rua Professor Alberto Nery Capucho, na Marinha Grande.
Em 1973/74 sob a tutela do extinto Instituto das Obras Sociais foi iniciada a construção do Centro Infantil Arco-Íris. A inauguração deu-se a 2 de Janeiro de 1977 recebendo apenas crianças com idades compreendidas entre 1 e 2 anos. Só em Abril do mesmo ano começou a receber crianças na resposta social de Jardim-de-infância.
Em 1979, o Centro Infantil Arco – Íris foi integrado no Centro Regional de Segurança Social de Leiria ficando dependente orgânica e institucionalmente deste organismo do Estado.
O Centro Infantil Arco-íris é um estabelecimento de apoio à infância integrado do Instituto da Segurança Social - Centro Distrital de Leiria, e em 1996 por acordo foi entregue a gestão à Santa Casa da Misericórdia da Marinha Grande.
Desenvolve na área geográfica do concelho da Marinha Grande o atendimento a crianças em colaboração com as famílias na promoção do desenvolvimento global das mesmas, nas respostas sociais de creche e pré-escola. São integrados prioritariamente neste estabelecimento crianças às quais tenha sido diagnosticado risco biológico de desenvolvimento ou ambiental.
Desde Setembro de 1997 vigora um acordo de cooperação celebrado entre o Centro Regional de Segurança Social, a Direcção Regional de Educação do Centro e a Santa Casa da Misericórdia da Marinha Grande que visa criar as condições para a participação do estabelecimento no programa de Expansão e Desenvolvimento de Educação Pré-escolar, de acordo com os princípios consagrados na Lei nº.5/97.
As comparticipações familiares são determinadas de forma proporcional ao rendimento do agregado familiar de acordo com o estipulado pela Circular nº. 3 de 2.05.1997 de D.G.A.S. pelo Despacho Conjunto nº. 300/97 de 9.09.
Este estabelecimento de ensino funciona no seguinte horário: Abertura, 07H45; Encerramento, 18H30.

Para que haja um bom funcionamento do estabelecimento é imprescindível a existência de um conjunto de elementos, humanos, físicos e materiais de forma a poder dar resposta às necessidades da mesma.
De acordo com o decreto-lei 115A/98, a interacção contínua dos diversos intervenientes, contribui significativamente para o desenvolvimento integral das crianças.

 

O Centro Infantil Arco-íris colabora com as famílias na educação de 180 crianças nas respostas sociais: creche e pré-escola.

 

Recursos

 

Recursos Físicos

O Centro Infantil Arco-Íris é constituído por dois edifícios. Num funciona a Creche e o Jardim-de-Infância e no outro funcionou outrora o Centro de Actividades Ocupacionais e que agora é um edifício de apoio para actividades pontuais do estabelecimento.

 

Recursos Humanos

Os recursos humanos nos quais nos podemos apoiar directamente são:

Função Quantidade
Directora Técnica 1
Educadora Infância 10
Psicóloga Clínica 1(meio tempo)
Terapeuta Fala 1(meio tempo)
Administrativa 1
Ajudante de Acção Sócio Educativa 20
Cozinheira 1
Ajudantes de Cozinha 3
Auxiliares Serviços Gerais 7
Manutenção/Motorista 1